Artigos





Trabalhos Científicos de Ex- Alunos da Chave do Tamanho

27/02/2011 Ana Elisabeth Santos de Oliveira Lima


Queridos ex-alunos da Chave do Tamanho,

Tenho mantido contato com muitos de vocês e é sempre uma alegria ter notícias. Mas tenho observado também que praticamente todos têm uma vida cultural, artística, científica e técnica riquíssim, publicando materiais diversos de alto interesse coletivo.

Como estamos reformulando o site da escola, e na medida em que ele tem a missão de divulgar os resultados do método psicogenético, quero muito ter acesso ao resultado da produção intelectual de vocês, para criar uma área especial de divulgação dos mesmos.

Assim, peço a todos que mandem monografias, teses, matérias em jornais, enfim, tudo o que tenha sido produzido por vocês para podermos montar essa nova área do site, reunindo e classificandos os materiais e divulgando os mesmos. Podemos fazer isso graças aos quase quarenta anos de existência e a excelência e qualidade intelectual de cada um de vocês.

O endereço de email para mandar seu material ou entrar em contato para combinar como fazer isso é o betasomae@gmail.com. Não esqueça de mandar uma autorização para publicação!

Aguardo notícias de todos.

Beijos da Beta



Comentários



LEILÁ PAMPLONA

NÃO SOU EX ALUNA DA CHAVE DO TAMANHO MAS, SOU EX DO AGAPITO, PORTANTO, FAÇO QUESTÃO DE ENVIAR NO ANO DE 2012 A MINHA MONOGRAFIA DA TERCEIRA PÓS GRADUAÇÃO; ESSA É DE GERONTOLOGIA. AINDA NÃO TENHO O TÍTULO DEFINIDO , SÓ SEI QUE SERÁ UM TRABALHO QUALI E QUANTITATIVO ,SOBRE OS IDOSOS EM ASILOS, OU COM FAMILIARES COM DEMENCIAS OU NÃO. MAIS OU MENOS ISSO...AGUARDEM...


Inserir comentário




A Chave do Tamanho foi a minha primeira escola. Quando entrei, eu nem sabia andar ainda e lá fiquei até os sete anos de idade. Morei em Salvador durante dois anos, 1989 – 1990, e, em 1991, voltei para fazer meu último ano. Foi a única escola cujas professoras estavam mais preocupadas com o caminho até as respostas do que com o resultado final. Foi lá que eu percebi, na verdade eu percebo isso melhor hoje, que o mais importante não é o resultado, mas como chegamos até ele, como construímos nosso ser e nosso pensar desenvolvendo a nossa inteligência, nossas múltiplas inteligências na verdade. Na Chave era onde as professoras não me desmotivavam ou ficavam de “cara feia” pelo meu excesso de curiosidade. Ao contrário, me motivavam a pensar em uma mesma coisa de várias maneiras diferentes. Lá também fiz grandes amizades que tenho até hoje, professoras inesquecíveis que foram como segunda mãe como Arilza, por exemplo. Hoje, sou músico e professor de música. E nessa função de educador procuro motivar meus alunos da mesma maneira que fui motivado. Obrigado professor Lauro e toda sua família pelo que fizeram por mim e por tantos outros que pela Chave do Tamanho passaram. Deixo um grande beijo e um forte abraço a todos!

Gabriel dos Santos Macedo
REFFER - Soluções para Internet

Copyright 2009 © - Todos os Direitos Reservados